Professores formados em tecnologias de informação [Angola]
18
Qua, Out

Professores formados em tecnologias de informação [Angola]

Professores formados em tecnologias de informação
Notícias EAD
TIPOGRAFIA

Mais de 40 professores do ensino primário concluíram ontem, na cidade do Huambo, um curso de capacitação sobre tecnologias de informação, promovido pelo Ministério da Educação, no âmbito do projecto “Meu Kamba”, que visa equiparar os docentes angolanos aos de outros países.

Mais de 40 professores do ensino primário concluíram ontem, na cidade do Huambo, um curso de capacitação sobre tecnologias de informação, promovido pelo Ministério da Educação, no âmbito do projecto “Meu Kamba”, que visa equiparar os docentes angolanos aos de outros países.

O encerramento da acção formativa, que teve a duração de uma semana, foi marcado pela entrega de certificados.

O director provincial da Educação, Sampaio do Amaral, referiu na ocasião que a arte de ensinar consiste em colocar os estudantes no centro do processo de ensino e aprendizagem de forma inclusiva, abarcando todos os aspectos da vida.

O representante do Instituto Nacional de Investigação e Desenvolvimento da Educação (INIDE), Giza Custódio, disse no mesmo acto que o curso dotou os professores de ferramentas que os colocam ao mesmo nível dos de outros países.

O coordenador do projecto, Francisco Pedro, avançou que o “Meu Kamba” vai fazer com que as crianças da Chicala Choloanga, por exemplo, tenha as mesmas habilidades em meios informáticos, de modo equiparado com outras localidades dos restantes países.

O responsável salientou que, no quadro do projecto “Meu Kamba”, foram já oferecidos 480 computadores para professores e alunos e está implementado em 11 províncias.

Francisco Pedro anunciou ainda que, depois da província do Huambo, vão ser capacitados professores da província de Benguela.

O Governo tem estado a envidar esforços, em conjunto com seus parceiros, para expandir o programa “Meu Kamba” a diversas escolas do país, no sentido de que as crianças e professores possam usar nas salas de aulas as novas tecnologias de informação.

Francisco pediu aos utentes para cuidarem dos equipamentos colocados à disposição das escolas.

Fonte: Jornal de Angola