Plataforma apoia o desenvolvimento integral do professor
15
Sab, Dez

Plataforma apoia o desenvolvimento integral do professor

Plataforma apoia o desenvolvimento integral do professor
Notícias EAD
TIPOGRAFIA

Vivescer discute os desafios da profissão, promove a troca de experiências e compartilha boas práticas de ensino em uma comunidade online.

Vivescer discute os desafios da profissão, promove a troca de experiências e compartilha boas práticas de ensino em uma comunidade online.

por Marina Lopes 2 de outubro de 2018

A solidão é um dilema que muitos educadores vivem quando fecham a porta da sala de aula. Como lidar com situações desafiadoras e a quem recorrer na hora que surgem dúvidas ou angústias? Pensando nessas e em outras questões, o Instituto Península lançou nesta terça-feira (2) a plataforma Vivescer, que promove a troca de experiências, compartilha boas práticas de ensino e oferece uma jornada formativa para apoiar o desenvolvimento integral do professor.

Com quatro percursos de aprendizagem, a plataforma apoia o desenvolvimento integral do professor em diferentes dimensões: emoções, mente, corpo e propósito. Por meio de vídeos, textos, testes e dicas, a Vivescer oferece conteúdos para os educadores trabalharem competências socioemocionais de forma que consigam aplicá-las no seu dia a dia.

“O nosso principal desejo com a plataforma é fazer o professor se desenvolver não apenas profissionalmente, mas também individualmente”, diz Heloisa Morel, diretora do Instituto Península. Em um momento de discussão sobre a implementação da BNCC (Base Nacional Comum Curricular), ela afirma que a plataforma ajuda o professor a entender melhor o seu próprio desenvolvimento para poder trabalhar as Competências Gerais com os estudantes. “Você não pode ensinar aquilo que você não sabe”, ressalta.

Desenvolvida com a colaboração de professores, a plataforma se baseia em pesquisas e consultas a diversos autores, como o americano Ken Wilber, criador da Teoria Integral, que recorre à ciência, à religião, à psicologia, ao desenvolvimento humano, à filosofia para a compreensão do indivíduo e do mundo em que ele vive.

A diretora do Instituto Península destaca que a Vivescer tem dois campos principais: formação e comunidade. Na área de formação, os educadores passam por quatro jornadas que trabalham emoções, mente, corpo e propósito, de forma que conseguem entender como suas emoções afetam na sua vida profissional e na relação com os alunos, por exemplo. Já no espaço de comunidade, a plataforma estimula o compartilhamento de experiências e a troca de boas práticas. “A ideia é que a gente crie uma comunidade de professores, porque às vezes eles não têm uma rede de amparo para fazer determinada transformação na sua escola.”

A plataforma é gratuita e está disponível para educadores no endereço www.vivescer.org.br.

Fonte: Porvir