Startup de educação online, Udacity deve encerrar operação brasileira
11
Ter, Dez

Startup de educação online, Udacity deve encerrar operação brasileira

Startup de educação online, Udacity deve encerrar operação brasileira
Notícias EAD
TIPOGRAFIA

A Udacity já demitiu 36 pessoas no país e, ao todo, 125 no mundo. Desligamentos fazem parte de plano de reestruturação comandada por novo presidente.

A Udacity já demitiu 36 pessoas no país e, ao todo, 125 no mundo. Desligamentos fazem parte de plano de reestruturação comandada por novo presidente.

O corte no Brasil fez parte de uma mudança de estratégia do grupo, após a saída do então presidente, Vishal Makhijani.

Conhecida como a Universidade do Vale do Silício, a Udacity, plataforma americana de cursos online com mais de 10 milhões de alunos no mundo, entre cursos livres e pagos, deve fechar as portas no Brasil. Até agora foram demitidos 36 dos 70 funcionários da empresa no país. Os demais continuam para dar suporte aos alunos que estão ainda fazendo os cursos ou que se matricularem até dezembro (a partir de janeiro não abrirá mais inscrições para cursos em português).

Depois disso, é possível que feche as portas definitivamente no país e demita o restante do quadro de pessoal. O escritório brasileiro foi inaugurado em julho de 2016 e já havia criado 12 cursos em português e legendado outros 26 em português. A Udacity Brasil representa 20% dos alunos globais de cursos pagos da instituição global.

Fonte: Exame | Naiara Bertão