Moodle Livre

Sidebar

08
Dom, Dez

Escolhendo uma pós graduação gratuita

Notícias EAD

Segundo dados oficiais do governo, o Brasil desde o começo dos anos 2000 até 2016 teve um aumento de 80% no número de concluintes do nível superior.

Esta mudança gerou um aumento da procura por cursos de pós graduação gratuita, pois grande parte destes novos formandos eram oriundos das classes C e D que a partir de um novo projeto educacional implantado no país, de expansão do acesso ao ensino universitário, tanto para classes sociais menos favorecidas quanto para as regiões do interior do Brasil, tiveram suas perspectivas profissionais ampliadas.

Este é o contexto por trás do crescimento exponencial, não só da pós graduação gratuita, pois as universidades públicas sempre os ofereceram, mas destes mesmos cursos oferecidos na modalidade EAD (Educação a distância), que favorece alunos das classes populares, devido à economia real que advém com a mesma.

Segundo artigo do acadêmico de Letras da Universidade Católica de Petrópolis Alan Ricardo Costa, a Educação a Distância possui um viés social inegável pois permite uma maior democratização do ensino superior.

Por outro lado, apesar das vantagens desta oferta extraordinária de formação de nível superior no mercado, fruto também da democratização digital, pois sem a Internet dificilmente a educação a distância daria este salto astronômico, devemos estar atentos à qualidade dos cursos.

O governo brasileiro em 2005, se antecipando a estas problemáticas lançou um portal chamado Universidade Aberta do Brasil, onde são listados todos os cursos superiores (graduação e pós) oferecidos por várias universidades do país nos diversos estados da federação.

Para aqueles que desejam cursar a pós graduação em uma universidade particular, existe a possibilidade do crédito universitário. Não é exatamente estudar de graça, mas o estudante só fica responsável em pagar o banco depois que já estiver trabalhando.

O Banco Santander possui um programa que fornece este tipo de serviço, onde o aluno que for correntista, caso já tenha sido aprovado em uma pós, pode solicitar o crédito preenchendo um simples formulário e passando por uma análise de crédito. A resposta vem em até uma semana e o banco deposita de uma só vez o valor da pós graduação na universidade que o aluno estiver matriculado.

Mais uma vez, que fique claro, a modalidade de pós graduação gratuita já existia bem antes nas universidades públicas do país. E os alunos mais bem classificados no processo seletivo ainda poderiam ser agraciados com bolsas de mestrado e doutorado no valor de 1.400 reais, para auxiliar nos estudos.

O que mudou dos anos 2000 para cá foi a facilidade de acesso para alunos de regiões mais distantes e também o aumento da oferta dos cursos em si, devido também a criação de novas universidades federais e campi universitários.

Mas além disso, muitas universidades com campi físicos, passaram também a oferecer cursos gratuitos na modalidade virtual, como é o caso da UNIFESP ( Universidade Federal do Estado de São Paulo ) que possui alguns cursos de pós graduação gratuita na modalidade EAD voltados para a gestão pública.

Em suma, a melhor maneira de escolher uma pós graduação gratuita é acessando o portal do governo Universidade Aberta do Brasil, e a partir dali escolher o curso que melhor se enquadra nas suas necessidades profissionais e acadêmicas. Lembrando que caso se queira estudar em uma instituição privada, existe a possibilidade do crédito universitário junto ao Banco Santander, que possui um dos menores juros do mercado.

Fonte: Universia Brasil

Joomla SEF URLs by Artio